Reunião promovida pelas Vereadoras Zezília Martins e Daiana Faedo significa mais um grande passo para a instalação da NEAM em Luís Eduardo Magalhães

0

Desde que assumiram a árdua luta para a instalação da Delegacia Especializada ao Atendimento da Mulher (DEAM), as vereadoras têm dado significativos passos. Um deles foi a reunião de diversas lideranças na última quinta-feira (22), na sede da prefeitura. Esteve presente o prefeito Junior Marabá, autoridades da segurança pública, como o Comandante da 85º CIPM, Major Cristiano Gouveia, a Comandante da Ronda Maria da Penha de Barreiras, Tenente Nina Marques; a representante da secretária de Trabalho e Assistência Social, a gerente de Proteção dos Direitos e Cidadania, Irma Fink.

O objetivo da reunião foi a adoção da Ronda Maria da Penha, um dos importantes serviços que integra a rede de proteção a mulher.

“Estamos na busca pela união de toda a rede de proteção, com o objetivo de resguardar essas mulheres vítimas de violência doméstica”, explicou a vereadora Zezília.

“Diante da situação em que estamos vivendo atualmente com o aumento da violência doméstica, eu acredito que essa reunião vai ser decisiva na história de Luís Eduardo Magalhães”, ressaltou a vereadora Daiana Faedo.

A titular da DEAM de Barreiras, Dra. Marília Matos parabenizou o empenho dos envolvidos.

” A população de Luís Eduardo está de parabéns por ter representantes do poder legislativo e executivo, tão empenhados em conseguir benefícios e principalmente atuar o combate à violência doméstica”.

Diante do desafio assumido pelas duas vereadoras, o prefeito Júnior Marabá tem dado total apoio: “Em oito de março inauguramos o CAM, onde tem uma equipe multidisciplinar que atende essas mulheres. Mas sabemos que não é o suficiente, por esse motivo, juntamente com os nossos secretários e vereadoras, estamos buscando outras alternativas para garantir essa proteção”, concluiu.

Nos últimos meses, em parceria com deputados, as vereadores conseguiram importantes recursos que serão destinados a instalação da Ronda Maria da Penha e consequentemente ao Núcleo de Atendimento a Mulher.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.