Polícia Civil de LEM prende mulher em Operação “Malum Officinarum”

Marido acusado não foi encontrado na hora da prisão

0

Na manhã de ontem, terça-feira, 21, por volta das 8h30, a a Polícia Civil de Luís Eduardo Magalhães, sob direção da Autoridade Policial DPC Joaquim Rodrigues de Oliveira, contando com o apoio de Policiais Civis da 11ª COORPIN/BARREIRAS, atualmente sob comando do Coordenador Regional DPC Rivaldo Almeida Luz, deflagrou a Operação Policial “Malum Officinarum”, cujo objetivo era dar efetivo cumprimento à ordem judicial de busca e apreensão residencial e profissional em três endereços, visando combater a prática de crimes de furto qualificado, invasão de dispositivo informático e associação criminosa, tendo como principal alvo a apreensão de aparelhos diversos, produtos, equipamentos, materiais e substâncias químicas nocivas à saúde humana e do meio ambiente, subtraídos e desviados do FAAHF – Laboratório Centro de Análises LTDA.

Segundo as investigações policiais, o então coordenador/supervisor do FAAHF LAB, passou a utilizar de seu cargo e comando no laboratório para adquirir bens móveis pagos pela FAAHF LAB, todavia, tais bens foram subtraídos para um novo laboratório de análises aberto pelo investigado, laboratório este que possui como sócio proprietária sua companheira, a qual, durante o cumprimento dos mandados, foi autuada em flagrante guardando/armazenando grande quantidade de produtos nocivos à saúde humana e ao meio ambiente, em especial, ácido nítrico, ácido fluorídrico e substância de nome Trietanolamina, produtos estes de uso controlado pelo Exército Brasileiro, localizados em local irregular no laboratório dos investigados e, ainda, a maior quantidade guardado num dos quartos da residência do casal.

Durante a operação policial, as equipes da Polícia Civil de Luís Eduardo Magalhães apreenderam inúmeros aparelhos, equipamentos, produtos e/ou substâncias armazenadas de forma irregular, localizados tanto no laboratório quanto na residência dos investigados, sendo necessário a utilização de 04 (quatro) veículos para transportes dos objetos.

A Autoridade Policial DPC Joaquim Rodrigues de Oliveira, que coordenou a operação policial batizada de “Malum Officinarum”, enalteceu o trabalho dos Policiais Civis da Delegacia Territorial de Luís Eduardo Magalhães e concluiu como bastante exitosa a primeira fase da citada operação, acrescentando que o trabalho da Polícia Civil está apenas no início.

 

Fonte:DT/Luís Eduardo Magalhães – DPC Joaquim Rodrigues de Oliveira.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.