Inicio / Polícia / PRF encerra Operação Nossa Senhora Aparecida com expressiva diminuição de acidentes, feridos e óbitos nas rodovias federais da Bahia

PRF encerra Operação Nossa Senhora Aparecida com expressiva diminuição de acidentes, feridos e óbitos nas rodovias federais da Bahia

15/10/2018
Nos quatro dias de trabalho, as equipA Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, às 23h59 deste domingo (14), a Operação Nossa Senhora Aparecida realizada nas rodovias federais que cortam a Bahia. Iniciada na última quinta (11), as ações buscaram combater a embriaguez ao volante e coibir as ultrapassagens indevidas e o excesso de velocidade.es dispostas estrategicamente pelas rodovias federais da Bahia fiscalizaram 6.681 veículos e 6.673 pessoas.

 

Com foco nas condutas que geram mais riscos à segurança dos usuários das rodovias, os policiais envolvidos na Operação realizaram 2.971 testes de alcoolemia, constatando 53 pessoas que consumiram álcool antes de dirigir.

Além da embriaguez ao volante, outra conduta grave e infelizmente ainda muito comum é a falta do uso do cinto de segurança. Foram efetuadas 119 autuações no período de operação, entre passageiros e condutores sem o equipamento.

A infração mais observada e notificada no feriadão de 12 de Outubro de 2018 foi, lamentavelmente, justamente a que causa mais riscos e consequências graves. Dos 2.493 autos gerados, 623 tinham relação com ultrapassagens indevidas, sejam elas forçadas, pelo acostamento ou em faixa contínua. Nunca é demais enfatizar que a colisão frontal, quase sempre causada pelas ultrapassagens proibidas, é o tipo de acidente que mais fere gravemente e mata pessoas em rodovias do país inteiro.

REDUÇÃO DE ACIDENTES, FERIDOS E ÓBITOS

Quando comparado com o mesmo período do ano passado, A PRF na Bahia registrou uma redução de 37,5% no número de acidentes totais, 56 em 2017 contra 35 este ano. Nestes acidentes, 36 pessoas ficaram feridas, número que representa uma redução de 35,7% em relação ao ano anterior. Este ano, 6 pessoas morreram durante o feriado nas rodovias baianas, redução de 25% com o mesmo período de 2017, quando oito pessoas vieram a óbito.

Das ocorrências que resultaram em mortes, três foram por atropelamento de pedestre, uma por colisão frontal, uma por colisão lateral e uma ocasionada por animal na pista.

AÇÕES CONTRA A CRIMINALIDADE

Durante o período da operação, a PRF na Bahia recuperou sete sete veículos roubados e apreendeu seis com adulterações nos elementos identificadores.

No primeiro dia das ações, uma mulher foi presa em Alagoinhas com quase 25 kg de cocaína dentro de um ônibus.

 

Fonte/PRF

Compartilhe nas Redes Sociais
Pinturas em Barreiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *