Inicio / Cidade / SAO DESIDÉRIO (BA): VIVIANE E BRUTALMENTE ASSASSINADA E O EX NAMORADO CONFESSOU SER O AUTOR DO CRIME.

SAO DESIDÉRIO (BA): VIVIANE E BRUTALMENTE ASSASSINADA E O EX NAMORADO CONFESSOU SER O AUTOR DO CRIME.

Share

São Desidério: Ex-namorado confessa assassinato de Viviane e leva polícia ao local do crime.

Viviane Pereira da Silva, de 30 anos, que estava desaparecida desde quarta-feira (11), foi encontrada morta, na manhã desta terça-feira (17), em estado de decomposição, próximo à BR – 135, no município de São Desidério, saída para Correntina/BA. Parentes fizeram reconhecimento da vítima.

Segundo informações do delegado titular do município, Carlos Cruz Ferro, o autor confesso do crime levou sua equipe até o local. A perícia apontou que, Marcos Batista dos Santos, conhecido pelo apelido de “Capacete”, 22 anos, executou Viviane com três tiros, dois no pescoço e um na nuca.

O delegado ainda mantém sigilo de algumas informações sobre o trabalho de apuração, porém declarou que as evidencias reunidas durante as investigações, por meio de fotos, vídeos e declarações de testemunhas ajudaram elucidar o assassinato. “Começou negando a autoria, mas resolveu confessar, depois que apresentamos provas cabais contra ele”.

O homicida ainda não entregou a arma do crime, um revolver de calibre 38 e declarou que havia outra pessoa envolvida na morte, mas segundo informações de um dos agentes investigadores do caso, tudo indica que Marcos agiu sozinho. “Vamos ouvi-lo novamente e analisar imagens dos locais por onde ele passou, para, a partir daí, tirar novas conclusões”.

O corpo de Viviane foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML/SESI) para exames de necropsia, após conclusão dos trabalhos de perícia oficial do DPT, que contou com apoio de Carlos Ferro e dos agentes investigadores Euler e Leônidas Antônio.

Prisão de Marcos

Marcos foi preso pela Polícia Militar e interrogado na madrugada de segunda-feira (16) pela Polícia Civil de Barreiras, todavia, declarou que deixou Viviane no terminal rodoviário de São Desidério, onde a mesma embarcaria com destino à sua casa.

Familiares declararam que o criminoso entrou em várias contradições ao conversar com a polícia, além do mais, imagens da área externa da pousada e da lanchonete onde o mesmo esteve com Viviane, reforçavam as suspeitas contra ele.

Em depoimentos, familiares da desaparecida informaram que o acusado chorou por não aceitar o rompimento do namoro com Viviane, dias antes da desaparição.

Diante das evidencias de envolvimento do acusado com o desaparecimento, o delegado de plantão solicitou sua prisão temporária ao plantão judiciário, decretada na manhã de domingo (15).

 

Blog cebolinhanoticias.com.br
Fonte/AlôAlôSalomão

Share
Pinturas em Barreiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *