Inicio / Cidade / A CADA DIA MAIS IMPOPULAR, ZITO BARBOSA E SUA EQUIPE DE GOVERNO SE DESESPERA.

A CADA DIA MAIS IMPOPULAR, ZITO BARBOSA E SUA EQUIPE DE GOVERNO SE DESESPERA.

Share

o impopular

Resultado de imagem para PREFEITO ZITO BARBOSA

 

 

Apesar do atual gestor nas últimas eleições de 2016, empossado em janeiro de 2017, levar uma vantagem estupenda diante dos adversários, agora, há menos de um ano e meio de mandato, cai na impopularidade e sua confiança despenca, ocasionando insatisfação geral daqueles que lhe confiaram o voto.

Pra começar, logo que foi eleito desapareceu do mapa, ou seja, da presença  dos seus eleitores, até mesmo de muitos vereadores que o ajudaram, bem como, audiência com qualquer um que se aproxime do seu gabinete (quartel de jogos de interesses pessoais), mostrando assim, sua face dura do mal. Posteriormente, seu primeiro ato insano, foi a reforma administrativa, que segundo o MANDA CHUVA, seria para enxugar a máquina do Governo de gastos com pessoal. Mas, acabou gerando foi descontentamentos com muitos de seus seguidores e puxadores de votos, e um aumento de 1 milhão na folha de pagamento, com novos contratados. Detalhe, a maioria dos cargos de comando, secretariados e outros de maiores importâncias, foram dados a REPÚBLICA SÃO DESIDERIANA, ou àqueles que o serviram de forma bajuladora, encrustados em seus pés de “santo do pau oco”.

Depois veio, sarcasticamente a venda dos precatórios do FUNDEF, quando o “expert” queria porque queria dar um prejuízo de quase 50 milhões de reais com negociatas às escuras com o Banco do Brasil. Logo foi impedido por liminar impetrada pela APLB (Associação do Professores Licenciados do Estado da Bahia). Hoje, ainda em insiste em querer desviar parte dos 172 milhões de luta e mérito do ex prefeito Dr. Saulo Pedrosa, para outros setores que tem seus recursos suficientes para desenvolver o município (caso sério!).

A Reforma do Estatuto dos Servidores foi, é , será seu emblema de derrota e perda aproximadamente de mais de 10 mil votos. Percaptamente cada servidor, no mínimo se voltará contra, atraindo de 5 a 10  eleitores, o que dará essa soma no descer da ladeira de sua gestão.

A Reforma do Código Tributário, um dos maiores disparates já visto em todo país (vai gostar de dinheiro assim longe!). Fator esse, que fez os vereadores de sua base de marionetes, ao votarem de olhos fechados um absurdo de consequências graves. Resultado, perdeu seus aliados, que, em tempo enxergaram a artimanha suga-suga do gestor. O primeiro a pular fora do barco ruma ao naufrágio foi o vereador Dr. José Barbosa (PSC), depois os outros, Beza (PSL), Carlão (PP), Sobrinho (PPL), B.I (PP), Carlos Costa (PHS). Pelo visto, se estes tiverem vergonha jamais se aliarão a Zito, pelo simples fato de os colocarem num tremendo “rabo de foguete”, contra seus eleitores. Atualmente, dos 19 vereadores eleitos 8 já se posicionaram contra a situação, isso fará com que todos os projetos de 2/3 enviados pelo Executivo ao Legislativo, serão “passado o machado”. Assim como Zito mandou passar o “machado”, em todos que pularam fora do barco, da mesma forma os edis não terão pena de cortar o mau pela raiz. Acredita se que até o final desse ano, ou até meado de 2019, outros tripulantes dessa nau pularão fora antes de vir a tempestade. Saibam leitores, com toda certeza, Jesus não estará, e nunca esteve nessa embarcação amaldiçoada (misericórdia)!

Outro fato, embora Zito com “boas intenções”, em organizar o trânsito, fazendo apreensões de veículos, trouxe outra preocupação. Cada moto ou carro apreendido são mais ou menos 5 mil votos a menos na sua caixa registradora eleitoral. Como também um perigo para quem vier a ser contemplado no leilão na aquisição desses veículos apreendidos com data prevista para o próximo dia 18. Imaginem! O cidadão adquirir uma moto ou veículo de uma pessoa de má índole, com certeza essa pessoa corre risco, de ser abordada, ser vítima de um crime, violência ou prejuízo. Ninguém gostaria de ver o que perdeu nas mãos de outro condutor(a).

Relembrando outros fatos, que fará do gestor inesquecível aos olhos de Barreiras, a demora da reforma do galpão da feira central de abastecimento, que além das multas diárias de R$ 1.000,00 que estão sendo aplicadas, mais o valor exorbitante de R$ 1400,00 dia (totalizando 65.000 reais mês), somente com os alugueis dos toldos que estão montados na frente do Estádio Geraldão, para agregar os prejudicados com o incêndio. Essa mudança está custando caro para ambas as partes tanto para o consumidor, feirante, e o povo que acaba pagando a conta.

Agora, um dos casos mais alarmantes é a falta de transparência publica nas licitações, inclusive, há um projeto de autoria do vereador Marcos Reis (PSDB), que visa coibir qualquer tipo de ato corruptivo da atual gestão, que é fiscalizar através de vídeo monitoramentos todas as licitações. Embora seja um Projeto de Lei salutar, será muito difícil passar pela aprovação. “Por enquanto vamos torcer, ainda é uma ponta de esperança. Muitos anseiam uma cidade melhor, nas aplicações de seus recursos, no desenvolvimento, e de fato, podermos ter orgulhos de chamar Barreiras Capital do Oeste”, complementou Marcos Reis.

Desta forma, o prefeito de Barreiras, Zito Barbosa a cada dia que passa perde a credibilidade, a confiança, e o pior reeleição nunca mais (há quem duvide?). Por outro lado, ele ganha rejeição e desconfiança.

BARREIRAS JÁ ACORDOU! O POVO SE ARREPENDEU, TARDE. MAS, MUITOS DORMEM SONHANDO COM 2020.

Em suma, Zito Barbosa ganha o maior adversário a população em alerta.

 

Blog cebolinhanoticias.com.br

Fonte/oestenewsorg

Share
Pinturas em Barreiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *